Home » Conteúdo » Análise On Chain do Bitcoin – Relatório Semanal – 19/07/2022

Análise On Chain do Bitcoin – Relatório Semanal – 19/07/2022

Na semana passada tivemos a divulgação dos dados de inflação americana e os números vieram piores do que o esperado, a projeção era de 8,8% e veio 9,1% confirmando que os preços continuam a escalada rumo a novos recordes. As medidas econômicas tomadas pelo FED devem surtir efeito no médio prazo, aparentemente o mercado já precificou esses dados. 

Uma novidade que pode trazer visibilidade para o mercado cripto é que a Polygon foi escolhida pela Disney para um novo programa de desenvolvimento de negócios que apoia empresas inovadoras pelo mundo. A Polygon vem se destacando em várias frentes, na semana passada falamos sobre o desenvolvimento de um smartphone preparado para Web 3 e agora foi a única blockchain selecionada para este projeto da Disney. Partindo para uma análise do gráfico de preço do Bitcoin, vimos uma confirmação de entrada de demanda no suporte estabelecido na região dos US$ 20.000. Temos espaço para uma correção, pois durante as recentes quedas, não houve nenhum tipo de pullback até os pontos de rompimento de baixa ou retrações. Devemos lembrar que seguimos em bearmarket e que possíveis rallys de alta devem acontecer para testar os pontos importantes, a próxima zona de resistência está em US$ 25.000.

Mesmo em períodos de bear market é possível aproveitar algumas altas de diversos ativos, sabemos que praticamente todos os criptoativos estão subvalorizados e que muitos investidores estão posicionados em stablecoin esperando o momento de aportar. Nesses últimos dias tivemos altas em diversas altcoins, muitos investidores aportaram nessas recentes baixas e agora estão colhendo os frutos. 

É importante saber que muitas altas de bear market são pullbacks de respiro para o preço voltar a cair, o melhor momento para aportar em cripto é durante as quedas e nos rallys de alta ir vendendo as posições aos poucos, aproveitando momentos de FOMO por parte de outros participantes para realizar o lucro das posições montadas em períodos de medo. 

Realized Price 

Essa métrica representa o valor de todos os bitcoins no preço em que eles foram adquiridos dividido pelo número de bitcoin em circulação, o Realized Price mostra o estado econômico do mercado de Bitcoin. 

Na imagem abaixo podemos ver o tempo em que o Bitcoin ficou abaixo de seu preço realizado durante os períodos de bear market, com essa estimativa é de se imaginar que podemos passar mais tempo nessa faixa de preço atual. 

Com toda a piora do cenário macro é possível estabelecer um comparativo com as quedas de anos anteriores, porém o lado positivo é poder acumular Bitcoin por mais tempo nos preços atuais. 

Total Supply em Prejuízo

A partir dos dados on chain vimos que no range entre US$ 17.600 e US$ 21.200 mais de 1,5 milhão de bitcoins foram transacionados, ou seja, trocaram de mãos e agora essa região se tornou muito importante para o processo de acumulação.É possível mensurar esses dados através da análise do supply em prejuízo, desde que marcamos o fundo local na região dos US$ 17.600 houve muita negociação e cerca de 8% do total de supply em circulação foi comprado nesse range de preço. Quanto mais volume de negociação maiores são as chances de se tornar uma faixa a ser respeitada.

Conclusão

Estamos passando por períodos desafiadores, porém temos um leque gigante de oportunidades. Como sempre dizemos, o longo prazo segue intacto e o DCA acaba sendo a melhor estratégia para quem tem como objetivo esse prazo de investimento. 

Para o curto prazo podemos ter alguns rallys de alívio até o final do mês, já que a próxima reunião do FED pode trazer novidades. Vimos os dados de inflação acima do esperado e isso pode desencadear postura ainda mais hawkish dos membros do FED, a possibilidade de um aumento da taxa de juros maior do que o esperado pode ser um catalisador para novos movimentos de baixa, vale a pena ficar atento. 

Altcoins

Hoje vamos falar de Acala, ficou conhecida por ser a vencedora do primeiro leilão de parachains da Polkadot. Acala é uma plataforma de contratos inteligentes de primeira camada compatível com Ethereum e preparada para finanças descentralizadas (DeFi), possui liquidez integrada e aplicativos já prontos para o uso. 

Acala deseja ser o centro de liquidez da Polkadot englobando uma Exchange descentralizada, uma stablecoin (aUSD), staking de DOT e EVM (Ethereum Virtual Machine) otimizado para DeFi. 

O token nativo leva o ticker de ACA e é usado para pagamento de taxas de transação, taxas de juros por empréstimos dentro do DeFi e taxas no caso de liquidação. Também é possível participar da governança da rede pois o holder tem poder de voto. 

O projeto Acala visa preencher a lacuna entre Ethereum e Polkadot, a plataforma já oferece diversos serviços dentro do universo DeFi como por exemplo: 

  • Stablecoin
  • Staking
  • Corretora Descentralizada

Acala promete solucionar grandes questões ligadas ao DeFi, já é possível investir em ACA através do Unitok, clique aqui e saiba mais.  

    Fique Atualizado

    Para entrar na lista de transmissão exclusiva, acessar as oportunidades de investimento e acompanhar dia a dia a transformação do mercado cripto basta enviar um whatsapp para +5511913758000 com a palavra ENTRAR!

    UNIERA CRYPTO VENTURES LTDA - CNPJ 42.131.910/0001-53
    Rua Engenheiro Edgar Egidio de Souza 510 - Pacaembú, São Paulo - SP 01233-020