Home » Conteúdo » Análise On Chain do Bitcoin – Relatório Semanal – 29/03/2022

Análise On Chain do Bitcoin – Relatório Semanal – 29/03/2022

Após algumas semanas de incertezas no cenário econômico global, os mercados mostraram força nesta última semana. Os índices mundiais, em sua maioria, encerraram a semana em terreno positivo. Já no mercado de criptomoedas, tivemos grandes altas nos últimos dias com Bitcoin chegando à marca de 13% de alta e diversas altcoins fechando a semana com altas acima de 20%. 

Uma notícia que chamou atenção nesses últimos dias, foi o anúncio feito pelo secretário do desenvolvimento econômico do Rio de Janeiro dizendo que a cidade do Rio de Janeiro aceitará Bitcoin e outras criptomoedas como forma de pagamento para o IPTU.

Abaixo vemos o gráfico semanal de Bitcoin, nesta última semana o preço conseguiu romper a resistência importante na região dos US$ 46.000, o ideal para os próximos dias é que o preço consiga se manter acima dessa região e busque o novo ponto de liquidez acima, na faixa dos US$ 53.000.

Em nossa última análise semanal, falamos muito a respeito da região dos US$ 46.000. Muitas métricas confluíam mostrando ser um ponto de extrema importância para que diversos players voltassem ao mercado. Conseguimos conquistar essa região de preço, nos próximos dias é muito importante que se mantenha acima e transforme essa faixa, em um suporte. 

Abaixo vamos analisar a métrica SOPR do STH (holders de curto prazo), poucos sabem, mas é extremamente importante que os STH estejam com suas posições em lucro para que a bull run, de fato aconteça. Quando esses players amargam prejuízo, eles não aguentam segurar as posições e começam a vender, provocando um efeito em cascata de realização de prejuízo, ocasionando excesso de força vendedora no mercado. 

É possível analisar esses dados através do SOPR, que faz o cálculo a partir dos saldos gastos de transações do Bitcoin. O nível considerado saudável para o SOPR é acima de 1, quando vamos abaixo desse número, normalmente ocorrem capitulações e o preço demora a se estabilizar. 

Desde novembro de 2021 este indicador vem se mantendo abaixo dessa faixa 1, podemos observar que aos poucos estamos retomando e entrando em região saudável para a manutenção de uma bullrun.

Um dado importante para se observar que vem ocorrendo nos últimos meses é o aumento de posição exponencial dos holders que detêm entre 1 e 10 bitcoins (linha laranja). Esses players seguem acumulando sem parar, desde junho de 2021. Nesses últimos dias, vemos também um aumento de posição por parte dos holders acima de 1000 bitcoins (linha verde), que vinham vendendo parte de suas posições na região dos US$ 46.000. 

Conclusão: 

Ao que tudo indica, o preço chegou forte para romper região de acumulação dos últimos meses, o que pode desencadear a entrada de muitos players que estavam só aguardando uma definição do mercado para retomar a tendência de alta novamente. 

Ao longo da história do Bitcoin vemos muitos períodos de acumulação, onde grandes players aproveitam para acumular e quem compra apenas no hype, fica de fora. O movimento explosivo do preço do Bitcoin normalmente acontece pelo FOMO (Fear of Missing Out) causado por esses players que estavam de fora, com a grande baixa do estoque de Bitcoin das corretoras e o preço retomando regiões mais altas, podemos ver grandes altas nas próximas semanas.

Altcoins

Ao passo que todo o mercado cripto começa a apresentar sinais de retomada de alta, entendemos que a exposição à altcoins é dever de todo investidor que deseja correr riscos mais altos, em troca de retornos maiores. 

Hoje vamos falar sobre a plataforma Kava, um DeFi que é cross-chain que permite que os usuários consigam empréstimos de stablecoins e emprestem diversas criptomoedas fornecendo liquidez ao protocolo em troca de receber rendimentos. 

Diversos serviços financeiros descentralizados estão disponíveis aos usuários da Kava que conta com uma stablecoin nativa chamada USDX permitindo que os usuários da plataforma depositem criptomoedas, deixando-as como garantia para tomarem empréstimos com taxas muito atrativas.

O token nativo da rede é o KAVA, é usado para votos em proposta de governança e funciona como moeda de reserva para quando o sistema estiver com garantias insuficientes. 

Após as recentes quedas do mercado cripto, KAVA está negociando na mesma região de preço de um ano atrás, sua capitalização de mercado está na faixa de US$ 745 milhões e está próximo do top 100 do mercado cripto.  Já é possível investir em KAVA através do Unitok, clique aqui e saiba mais.

    Fique Atualizado

    Para entrar na lista de transmissão exclusiva, acessar as oportunidades de investimento e acompanhar dia a dia a transformação do mercado cripto basta enviar um whatsapp para +5511913758000 com a palavra ENTRAR!

    UNIERA CRYPTO VENTURES LTDA - CNPJ 42.131.910/0001-53
    Rua Engenheiro Edgar Egidio de Souza 510 - Pacaembú, São Paulo - SP 01233-020