Home » Conteúdo » Análise Semanal: Análise on chain Bitcoin – 08/02/2022

Análise Semanal: Análise on chain Bitcoin – 08/02/2022

Caros leitores,

Após as quedas recentes de todos os mercados de risco, parece que encontramos um suporte. Os investidores já sabem as intenções do FED para 2022 e a partir de agora os podem se posicionar para o que está pela frente.

Nas últimas duas semanas o mercado cripto rejeitou as quedas que vinham acontecendo e tivemos altas na casa de 12% para Bitcoin e 17% para Ethereum.

Aparentemente o medo que havia tomado conta dos mercados cessou e muitos investidores entenderam que a região de preço era interessante para novos aportes.

Um destaque dessa semana vem da NFL (National Football League). Quem comprar ingressos para assistir ao Super Bowl (final da NFL) terá direito a um NFT como lembrança do grande dia. Vale lembrar que é o evento esportivo com maior audiência do planeta, mostrando que cada vez mais o universo cripto está tomando conta do mainstream.

O Bitcoin encontrou suporte na região dos US$ 35.000, rompeu linha de tendência de baixa que marcava a queda desde novembro. Entretanto, esse movimento vem mostrando força, pois era uma região onde tivemos rejeição no começo e no meio de 2021.

bitcoin dolar

Abaixo vamos observar algumas métricas on chain relevantes reforçando a tese da alta dos últimos dias.

Um indicador chamado SOPR (Spent Output Profit Ratio) mostra o cálculo dos saldos gastos de uma transação de Bitcoin.

Em resumo, é o preço vendido dividido pelo preço pago. Quando SOPR é maior que 1, significa que os holders estão em lucro quando vendem. Menor que 1, estão em prejuízo.

Podemos filtrar e analisar por holders de curto prazo (STH) e de longo prazo (LTH).

Neste caso vamos analisar os STH, são eles que estavam vendendo no prejuízo durante toda a queda. Notem que o SOPR chegava na linha 1 e voltava abaixo.

Isso indica realização de prejuízo por parte desses holders de curto prazo, o que trazia mais força vendedora para o mercado. Sobretudo vemos que nos últimos dias passamos acima do 1 e isso é muito positivo para continuação da alta.

bitcoin

Enquanto a queda persistia, vimos cada vez mais o Bitcoin ser passado dos players de mãos “fracas” para os de mãos “fortes”.

Esse indicador chamado Illiquid Supply (Suprimento Ilíquido), mostra que desde a metade de 2021 temos um aumento de posse dos holders que não tem um comportamento vendedor de curto prazo.

É possível notar uma divergência ao longo dos últimos meses, muitas moedas eram passadas para mãos de holders que não tem interesse em vender rapidamente, tornando a oferta de Bitcoin cada vez mais escassa.

bitcoin supply

Ao longo das últimas semanas reforçamos a importância de entender a diferença do curto, médio e longo prazo. Todas as análises nos mostram que estamos em uma correção dentro de um Bull Market, nenhuma métrica nos mostrou que estamos em um Bear Market.

O ideal é criar os possíveis cenários e atuar conforme o planejado. O longo prazo não foi afetado pelas quedas recentes, na realidade gerou novas oportunidades para quem estava preparado.

Altcoins

Sabemos que nossos dados pessoais se tornaram um produto muito rentável para as redes centralizadas. Com isso com um alto potencial de retorno para diversas empresas que negociam essas informações.

Porém graças a descentralização promovida pelo universo cripto, podemos ser remunerados, caso seja de nossa vontade compartilhar nossos dados. Isso já é possível através de um protocolo chamado Fractal.

Construído na rede Polkadot, Fractal é um protocolo de código aberto para trocar informações do usuário de maneira justa e aberta.

Ele ajuda a manter os dados nas mãos do próprio usuário através de uma extensão instalada no navegador como uma carteira, pagando uma remuneração em tokens Fractal para quem utilizá-la.

Possui um marketcap de US$ 1.6 milhão e o preço segue em torno das mínimas históricas, o que torna a assimetria gigante em comparação com altcoins de alta e média capitalização.

No ano de 2021 a rede Solana teve um crescimento exponencial e alguns projetos de seu ecossistema ainda estão com ótimas oportunidades. Hoje vamos falar de Serum que é a principal corretora descentralizada (DEX) da Solana.

A Serum é multi-chain, o que torna possível a negociação de tokens de diferentes redes em sua plataforma trazendo um enorme diferencial entre outras DEX.

Uma vantagem de utilizar a Serum, é o usuário poder escolher o preço de compra e de venda atuando com ordem limit. Sendo possível negociar qualquer volume que desejar.

Sabemos que as altas taxas da rede Ethereum assustam os usuários que procuram novas opções. Muitas pessoas migraram para a rede Solana que é mais escalável, podendo processar mais de 2 mil transações por segundo.

O token de utilidade da Serum (SRM) permite que os holders recebam um desconto de até 50% em taxas de negociação. Primordialmente garante participação na governança da plataforma.

A capitalização de mercado está em US$ 360 milhões e possui um volume total travado dentro da plataforma em US$ 983 milhões, o que indica uma assimetria positiva.

Já é possível investir em Fractal e em Serum através do Unitok, veja como investir.

serum

    Fique Atualizado

    Para entrar na lista de transmissão exclusiva, acessar as oportunidades de investimento e acompanhar dia a dia a transformação do mercado cripto basta enviar um whatsapp para +5511913758000 com a palavra ENTRAR!

    UNIERA CRYPTO VENTURES LTDA - CNPJ 42.131.910/0001-53
    Rua Engenheiro Edgar Egidio de Souza 510 - Pacaembú, São Paulo - SP 01233-020