Home » Conteúdo » Análise Semanal Uniera Crypto – 04 de janeiro de 2022

Análise Semanal Uniera Crypto – 04 de janeiro de 2022

Caros Leitores,

Fechamos a última semana do ano com mais uma máxima histórica no mercado americano de ações, o bull market por lá segue a pleno vapor. Já no Brasil, temos um mercado de ações em tendência de baixa há 6 meses, alguns motivos apontados são o aumento seguido da taxa base de juros e a migração de muitos investidores para o mercado cripto.

Em uma pesquisa divulgada pela Visa, mais de 30% dos brasileiros já investem ou investiram em criptos e consideram este investimento mais vantajoso do que o mercado de ações tradicionais. Outro dado importante da pesquisa é em relação a visão desses investidores, que já enxergam os criptoativos como um investimento de longo prazo para construir patrimônios e como instrumento de diversificação. A maioria das pessoas entrevistadas também têm grande interesse em stablecoins, além disso se mostraram muito interessados em planos de recompensas ou cartões de crédito que possibilitem o uso de criptomoedas.

A Uniera saiu na frente e já disponibiliza para seus clientes o Dollar Yield (USDY), token pareado a moeda americana que garante retorno equivalente ao CDI sobre seu investimento em dólar, para receber este rendimento, o único requisito é ter o token em sua conta Uniera, para ter acesso a esta oportunidade acesse o link: https://uniera.io/dollar-yield/

Em mais uma semana seguida, o preço do Bitcoin foi negociado numa faixa entre $45.000 e $52.000 mil dólares, conforme vemos no gráfico abaixo. Muitos investidores institucionais fecharam suas posições antes do final do ano e devem retornar ao mercado nos próximos dias, com isso o volume negociado segue muito baixo e a volatilidade também.

Abaixo podemos ver o estoque de Bitcoin nas corretoras, essa métrica segue caindo ao longo dos meses, o que torna o ativo cada vez mais escasso e ao longo dos próximos meses podemos ver um choque de oferta produzindo um efeito positivo no preço. Na última semana tivemos aproximadamente $500 milhões de dólares de saldo em saques das corretoras para carteiras próprias, um número alto, ainda mais pensando no baixo volume negociado dos últimos dias.

A métrica abaixo nos mostra a força computacional da rede Bitcoin, quanto maior o hash rate maior a chance de minerar um bloco e receber bitcoins como recompensa. Após marcar máxima histórica em abril de 2021, a China baniu a mineração de Bitcoin em seu território, os mineradores tiveram que desligar seus equipamentos e procurar novos países para trabalhar. Aos poucos a rede foi se reajustando e aumentando seu poder de processamento, 6 meses após o banimento renovamos máxima histórica.

Seguimos muito otimistas com o cenário macro das criptomoedas, os fundamentos seguem intactos para o médio e longo prazo. Sabemos que no curto prazo podemos ter correções pontuais, mas nada que afete negativamente a estrutura do mercado. Como a Uniera tem um pensamento a frente, acreditamos que 2022 será um ano muito positivo para projetos de finanças descentralizadas (DEFI), vamos falar sobre dois projetos que podem trazer muitos lucros para você nesse próximo ano. Através do Unitok, que investe no Global Altcoin Token (GAT), você consegue ter exposição equilibrada entre diversas categorias de projetos inovadores que podem trazer retornos exponenciais.

Conheça mais lendo o whitepaper e acessando a página do Unitok:

https://uniera.io/wp-content/uploads/2021/12/UNITOK-Whitepaper.pdf

https://uniera.io/uniera-token/

O primeiro projeto que vamos abordar é o Compound, a ideia central é permitir que pessoas obtenham empréstimos através de credores que travam seus ativos dentro do protocolo para ganhar juros sobre seus ativos em troca de fornecer liquidez para quem precisa. Tudo isso funciona por meio de contratos inteligentes que rodam dentro da blockchain do Ethereum, esses empréstimos são totalmente automatizados e não permitem que as criptos mudem de mãos até que todas as condições acordadas sejam atendidas. Esses empréstimos não solicitam dados do usuário e elimina um possível intermediário, diminuindo assim o custo operacional.

Compound tem o diferencial de assegurar que o valor da garantia depositada continue acima do preço mínimo, em relação ao que foi tomado no empréstimo. Caso o valor da garantia caia demais devido a oscilações do mercado, o usuário corre o risco de ser liquidado, quitando automaticamente sua dívida, pois todas essas métricas constam no código do contrato inteligente.

Hoje o total travado dentro do protocolo Compound é de $9 bilhões de dólares e sua capitalização de mercado está em torno de $1.2 bi, existe uma grande diferença entre os valores citados, isso representa uma possível assimetria para os próximos meses.

O segundo é a AAVE, também é uma plataforma de empréstimos estruturada inicialmente dentro da blockchain do Ethereum, mas hoje em dia já funciona na rede da Avalanche e da Polygon oferecendo mais opções para os usuários.

Através dos contratos inteligentes é possível tomar empréstimos oferecendo cripto como garantia ou ser um formador de mercado oferecendo liquidez para o protocolo recebendo juros e sem precisar de um intermediário para validar as operações já que os códigos inseridos são totalmente automatizados.

Também oferece empréstimos relâmpagos (flash loans) onde usuários podem pedir fundos sem garantia inicial por um período bem curto de tempo, neste caso deve ser pago na mesma transação da rede em que o empréstimo foi tomado (dentro do mesmo bloco), caso não seja cumprida alguma das condições estabelecidas no contrato inteligente, como por exemplo o tomador não pagar de volta no período acordado, a transação é automaticamente cancelada e registrada como zerada e invalida todo o flash loan.  Nesse tipo de operação o usuário tenta buscar vantagem e lucrar com as diferenças de preços entre as exchanges descentralizadas (arbitragem), por ser uma operação que deve ser executada rapidamente, normalmente os usuários utilizam robôs programados para isso, dificilmente uma pessoa conseguirá mapear as oportunidades e executá-las dentro do tempo estipulado.

A capitalização de mercado do AAVE é de $3.2 bilhões de dólares enquanto o total de fundos travados dentro do protocolo chega a $14 bi, com base nesses dados e somando com um possível aumento de adoção tanto no mercado cripto como em DEFI, acreditamos atingir números ainda maiores em 2022. É importante pensar a frente e estar posicionado para pegar o próximo hype.

    Fique Atualizado

    Para entrar na lista de transmissão exclusiva, acessar as oportunidades de investimento e acompanhar dia a dia a transformação do mercado cripto basta enviar um whatsapp para +5511913758000 com a palavra ENTRAR!

    UNIERA CRYPTO VENTURES LTDA - CNPJ 42.131.910/0001-53
    Rua Engenheiro Edgar Egidio de Souza 510 - Pacaembú, São Paulo - SP 01233-020